Search
terça-feira 25 junho 2024
  • :
  • :

“Queremos lutar para fugir dessa corrupção”, diz cavaleiro de ato contra Dilma

Grupo passou por ruas de Porto Alegre protestando contra presidente pretende ir a Brasília
A cavalgada pró-impeachment do Movimento Sangue Farrapo chamou a atenção por onde passou na tarde deste domingo em Porto Alegre. A manifestação começou no Parque Harmonia, seguiu pela Duque de Caxias, Independência, 24 de Outubro até chegar ao Parcão, onde ocorreu ato simbólico em frente ao Acampamento Sérgio Moro, instalado nas equinas da Goethe com a Mostardeiro desde 17 de abril.
“Queremos lutar para fugir dessa corrupção”, afirmou Carlo Isaia, biomédico e organizador do ato. Além de 30 cavaleiros, dezenas de automóveis e um carro de som acompanharam o trajeto. Cerca de 120 pessoas participaram da ação, que durou menos de duas horas e causou pouco transtorno ao trânsito, já que foram organizados apenas bloqueios momentâneos pelos agentes da EPTC.

O Movimento Brasil Livre (MBL), a Vem Pra Rua (VPR) e La Banda Loka Liberal, responsável pela montagem do acampamento no Parcão, apoiaram a manifestação. “Todos os movimentos vão seguir unidos. Vamos lutar para tirar esse governo corrupto do Poder”, discursou Paula Cassol Lima, coordenadora do MBL/RS. Ela apontou ainda que a luta pró-impeachment não tem partido político. “Somos a sociedade civil organizada”, completou.
Cavaleiros ganharam apoio do público
Formado por trabalhadores ligados ao campo fazendeiros, agricultores e empresários, o grupo de cavaleiros deslocou-se do interior do Estado especialmente para o ato. Pessoas de Livramento, Santa Maria, Bagé, Lavras do Sul, Uruguaiana, Viamão e Guaíba, além da Capital participaram. A manifestação reuniu curiosos, que incrementaram o público que luta pelo término do governo da presidente Dilma Rousseff, que passou o Feriado de Páscoa junto à família na Capital.
Duas paradas foram feitas durante o percurso. Uma em frente ao Palácio Piratini, onde o Hino Riograndense foi cantado rapidamente, para evitar longa interrupção do trânsito. Breves discursos e a cantoria do hino do Estado e do Brasil também ocorreram em frente ao Acampamento Sérgio Moro, no Parcão.
Ideia é ir a Brasília
Essa semana o Movimento Sangue Farrapo começa a organizar uma cavalgada que partirá de Porto Alegre com destino a Brasília na primeira semana de abril. O grupo fará trechos a cavalo e outros de carro, para garantir o bem-estar dos animais. Ainda não há, no entanto, informações mais detalhadas sobre essa manifestação.
Correio do Povo
 

Recomendado para você




error: Content is protected !!