Search
quarta-feira 21 Fevereiro 2018
  • :
  • :

Faith No More: Morre, aos 57 anos, Chuck Mosley, o primeiro vocalista

O vocalista original do Faith No More, Chuck Mosley, morreu ontem, 9 de novembro, aos 57 anos de idade. Leia abaixo a nota da família.

3741 acessosNu-Metal: 10 trabalhos que definem as raízes do gênero5000 acessosHall Of Shame: as melhores músicas ruins da história do Metal

“Depois de um longo período de sobriedade, Charles Henry Mosley III perdeu sua vida, em 9 de novembro de 2017, devido à doença do vício. Estamos compartilhando a forma como ele morreu, com esperança de que isso sirva como um aviso ou sinal para qualquer um que esteja com dificuldades em decidir por lutar pela sobriedade. Ele deixou seu parceiro de longa data Pip Logan, duas filhas, Erika e Sophie e seu neto Wolfgang Logan Mosley. A família aceitará doações para as despesas com o funeral. Detalhes serão divulgados.”

 Cantor morreu por problemas relacionados à ‘doença do vício’, segundo família. Ele participou da banda de 1984 a 1988 e gravou seus dois primeiros discos.

Chuck Mosley, antigo vocalista do Faith No More, morreu na quinta-feira (9) aos 57 anos de idade. Segundo a família do cantor, ele teve problemas relacionados à ‘doença do vício’.

“Após um longo período de sobriedade, Charles Henry mosley III perdeu sua vida, em 9 de novembro de 2017, por causa da doença do vício”, afirmou a família em nota.

“Estamos compartilhando a maneira como ele morreu na esperança de que possa servir como um aviso ou despertar ou uma luz para qualquer um com dificuldades para lutar pela sobriedade.”

Mosley foi o vocalista do Faith No More entre 1984 e 1988 e participou da gravação dos dois primeiros discos da banda, “We care a lot” (1985) e “Introduce yourself” (1987). Ele foi substituído por Mike Patton, que continua à frente do grupo.

“Ele foi uma força de energia sem controle e provocadora, que trabalhava com convicção e nos ajudou a entrar em um caminho de singularidade e originalidade que não teria sido desenvolvido da mesma forma se ele não tivesse participado”, afirmou a banda em publicação na sua página no Facebook.

Mosley passou alguns anos com a banda Bad Brains e ainda formou um grupo próprio, o Cement. Ele também lançou discos solo e chegou a participar de alguns show do Faith No More em 2016.