Search
terça-feira 11 agosto 2020
  • :
  • :

Brasil passa a presidência semestral do Mercosul ao Paraguai

Presidente da República, Jair Bolsonaro, com o presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, na 55ª Reunião do Mercosul

Foto: Guilherme Almeida

Presidente paraguaio reafirmou o compromisso em alcançar objetivos e ampliar mercados através da integração

Presidente da República, Jair Bolsonaro, com o presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, na 55ª Reunião do Mercosul

Depois dos discursos da Cúpula do Mercosul, o presidente Jair Bolsonaro passou a presidência semestral brasileira do bloco para o Paraguai. Em seu discurso, o presidente paraguaio reafirmou o compromisso em alcançar objetivos e ampliar mercados através da integração, além de fortalecer a defesa dos valores democráticos.

“As nossas diferenças de origem, de visão, ideológicas, devem servir para enriquecer o debate regional em busca da construção de uma sociedade mais justa, mais igualitária, mas não para construir muros entre nós”, destacou Abdo. “Temos que ser construtores de pontes sobre o princípio da tolerância, da defesa não só dos interesses mas também de valores, porque a grande transformação que nossa região precisa é uma transformação de sociedade com valores”, completou.

O presidente paraguaio agradeceu Bolsonaro, a quem chamou de amigo, e disse que a reunião em Bento Gonçalves serve para ratificar compromisso de que o Mercosul é o processo de integração ideal para alcançar metas e propiciar um espaço comum, gerador de oportunidades para o desenvolvimento dos mercados e para oferecer vantagens comerciais e de investimentos.

“Temos que adquirir instituições com credibilidade para nos esforçarmos no combate à corrupção, à impunidade e para recuperar a confiança dos nossos povos”, disse Abdo. Destacou ainda que a Cúpula do Vale dos Vinhedos registrará importantes acordos no processo de integração, como o de facilitação do comércio e o de localidades fronteiriças.




error: Content is protected !!